segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Eu e o Mosquito

Eu e o Mosquito

Eu sou um cara muito normal ou um cara estranho?
Se o mosquito que matei ainda dança e vive?!?
Definitivamente, uma boa música ressuscita nosso espírito, visto que, achava eu, estar morto há algum tempo.
Achava o mosquito estar morto?
Ou estava como eu?
O amanhã dele chegou?
Ou me escondo por baixo do chinelo que o pisa?
... O mosquito capotou por mais cinco centímetros e morreu de novo.
Somente mais uma vez eu vejo a mesma cena, as mesmas faces... Que em nada tem a ver com o mosquito, mas que vivem aquí neste mundo de coisas que me pertencem por aluguel.
Um dia... Eu não desistirei, nunca!!
Como vive esse mosquito!!!
Sou eu menor que ele?
“Once again I’m in trouble with my only friend...”
Ah, mosquito!!


(2001)

Um comentário:

Diogo disse...

aí entra um teminha de clarinete: tontontonroonntonron... e depois junta a ele trompete e trombone! é lindo, como um mosquito dançando!